A pequena Juju, que luta contra doença rara, encontra Lais Souza, ex-atleta olímpica que ficou tetraplégica após acidente em treino

Um encontro inesperado entre a pequena Juju Barbosa, que busca tratamento para uma doença rara, e a ex-atleta olímpica Lais Souza, que ficou tetraplégica após um acidente, aumenta a fé e a esperança da família da Juju nessa luta por tratamento da doença neurodegenerativa. Desde o acidente em janeiro de 2014, Lais se tornou um símbolo de determinação e perseverança para voltar a ter os movimentos de braços e pernas e conseguir ficar de pé.

O encontro das duas ocorreu em um shopping de Ribeirão Preto (SP). Lais mora na cidade. Juju e família são de Conceição dos Ouros, Sul de Minas, e estavam de passagem por Ribeirão Preto, seguindo para Indaiatuba (SP) para mais sessões terapia ocupacional e fisioterapia.

Para o pai de Juju, Stéfano Francisco, esse foi um encontro de duas guerreiras. Em contato com a reportagem do Terra do Mandu, Stéfano afirmou também que encontrar a Lais nesse momento foi incrível.

“Um olhar pode dizer muita coisa, mas esta troca de olhar é mais que especial. É um encontro de duas guerreiras, um encontro de quem luta pela vida. Aquelas que buscam superar todos limites, jamais perdendo a esperança é a fé! Este encontro foi um presente de Deus. Ela disse para gente ser muito positivo, não importa o que aconteça”, contou Stéfano.

A foto das duas foi postada por Stéfano em sua página no facebook.

A doença de Juju e a mobilização das pessoas em ajudar

Juju Barbosa está com 2 anos e 7 meses. Agora em agosto, ela foi diagnosticada com Leucodistrofia Metacromática, uma doença que afeta a coordenação motora e já fez a menininha parar de andar.

Os pais, Stéfano e Fernanda, lutam para ver a filha em pé, correndo de um lado para o outro. Mas esbarram na falta de tratamento por aqui. As possibilidades encontradas são caras e não são uma certeza. Há relatos de tratamentos alternativos na Itália e na Tailândia. Diante disso, os familiares e amigos começaram uma campanha para arrecadar dinheiro para custear as viagens e esses possíveis tratamentos. Para a surpresa da família, a cada dia, centenas de pessoas entram na campanha ‘Todos pela Juju’ ou ‘Ajudem a salvar a Juju’.

Várias pessoas, de todos os cantos do Brasil já estão ajudando com doações em dinheiro através de uma ‘vakinha’ na internet. Eventos beneficentes estão sendo realizados na cidade de Juju, Conceição dos Ouros (MG).

Leia mais sobre as campanhas para ajudar Juju: Campanha para ajudar menina com doença rara mobiliza cidade no Sul de Minas

A luta de Lais Souza

Símbolo de determinação e perseverança, Lais contou numa recente entrevista que está em um longo tratamento de recuperação e que já apresentou grandes avanços. “Com a ajuda dos fisioterapeutas e de um robô estabilizador, conhecido como Ortowalk, consegui ficar em pé sozinha pela primeira vez desde o acidente. Foi uma sensação muito boa e me deu autonomia. Um dos dias mais felizes da minha vida”, comemorou ela.

A ex-atleta olímpica faz curso de Psicologia, em Ribeirão Preto. Além da vida acadêmica, Lais realiza palestras motivacionais para empresas em que relata sua trajetória de vida e superação. “Cada palestra é diferente da outra. Tenho mais aprendido do que ensinado aos outros”, disse ela.