0

Decreto mantém Pouso Alegre na onda roxa até 11 de abril

Documento mantém proibição da venda, distribuição e fornecimento de bebidas alcoólicas, por quaisquer pessoas e estabelecimentos, pelo mesmo período de tempo.

Gabriella Starneck
01/04/2021

A prefeitura de Pouso Alegre prorrogou a vigência da onda roxa até o dia 11 de abril, em conformidade com as recomendações do Governo de Minas. Desta forma, as medidas restritivas dessa fase, como funcionamento apenas dos serviços essenciais e toque de recolher das 20h às 05h, permanecem em vigor no município.

Além disso, o decreto que formaliza a prorrogação da onda roxa em Pouso Alegre também mantém a proibição da venda, distribuição e fornecimento de bebidas alcoólicas por quaisquer pessoas e estabelecimentos, inclusive  entregas a domicílio, até o dia 11 de abril.

Vale destacar que o descumprimento das restrições implicará em infração sanitária, que prevê penalidades de multa, apreensão de produtos e interdição do estabelecimento.

Onda roxa

A edição da Deliberação do Comitê Extraordinário COVID-19 nº 142, de 31 de março de 2021, prorrogou a vigência do Protocolo Onda Roxa até 11 de abril em todas as regiões de Minas Gerais, exceto para parte do Triângulo Mineiro que voltou para onda vermelha. A região foi a primeira a entrar na onda roxa, e após 30 dias apresentou queda na taxa de óbitos e ocupações de UTI’s.

Durante a reunião, o governador Romeu Zema destacou que o momento ainda é difícil: “Tivemos mais uma semana de recorde, tanto no Brasil quanto em Minas. Infelizmente, os números de óbitos e a taxa de ocupação de leitos está subindo na maior parte das regiões. Seguimos com os esforços para ampliar leitos, apesar da falta de recursos, principalmente humanos, e, mais recentemente, de insumos. Contamos com o apoio da população para superarmos essa fase o quanto antes”, afirmou.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.