0

Bom exemplo: Aposentado faz jardim em entrada de bairro de Pouso Alegre

Magson Gomes
27/01/2021

Quem passa de carro pela BR-459, próximo a ponte de acesso ao bairro Belo Horizonte, em Pouso Alegre, as vezes não consegue notar. Mas ali na entrada do bairro algo está diferente.

Um jardim foi plantado e é, minuciosamente cuidado. As dores na coluna não impediram que o aposentado José Geraldo, de 74 anos, fizesse algo pelo lugar onde mora.

“É o tal negócio. Todos somos de Pouso Alegre. Então, é uma honra deixar alma coisa bem arrumadinho. A gente não pode fazer as grandes coisas, mas faz as menores, com amor e carinho”, diz o aposentado.

Além do amor e carinho, tem sacrifício. Mesmo com dores nas costas, ele busca água no rio, a cerca de 200 metros do local para poder irrigar as plantas.

Ele começou a cuidar do espaço porque passava por ali e via que estava queimado, com as cinzas do fogo ou a fumaça invadindo a avenida. ‘Alguém podia tomar conta disso aqui. Mas quem? Acho que agora é comigo”, diz ele arregaçando as mangas da camisa.

Seu Zé Geraldo disse que ficou meio desapontado, com tanto mato e lixo encontrado no local. E trabalhava ‘meio envergonhado, de cabeça baixa. Quando percebeu que estava transformando aquela área, aí começou a sentir orgulho.

Na maior parte do tempo, ele fica assim, agachado para cortar a grama e arrancar o mato dos pés das plantas. As mãos estão até calejadas de tanto esforço.

Essa rotina diária começou há pouco mais de um ano. Todo dia, bem cedinho, ele vem para cuidar do jardim, que recebeu o nome de ‘Alameda da Mulher’. “Vou dormir e já fico pensando em vir para cá; amarra a gente”, confessa ele que até perde o horário de voltar para o almoço e levo bronca da esposa.

Depois de muitos anos trabalhando na área de construção civil, seu Zé Geraldo não se cansa de ficar aqui, fazendo tudo quase sozinho. As abelhas o ajudam a espalhar mais sementes para colorir outros espaços ao redor.

Quem passa por esse caminho, antes abandonado e cheio de mato, se encanta com tanta beleza.

Seu Zé Geraldo espera que outras pessoas possam ajudar a cuidar da natureza (veja no vídeo acima).

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.