0

Novo decreto determina isolamento de pessoas do grupo de risco e suspende ambulantes em Pouso Alegre

Magson Gomes
10/07/2020

De acordo com o documento, as medidas são necessárias devido ao aumento de casos de contágio pela Covid-19 e mortes pela doença na cidade. Pouso Alegre tem 443 casos confirmados e 11 vítimas fatais.

O prefeito de Pouso Alegre, Rafael Simões (DEM), assinou novo decreto nº 5.175, nesta quinta-feira (09), onde acrescenta novas regras ao decreto 5.147, de 28 de abril, sobre o enfrentamento da pandemia da Covid-19 no município.

Em vídeo divulgado nesta sexta-feira, Rafael Simões fala das novas medidas.

O documento de abril permitiu a volta do funcionamento de bares, restaurantes e academias. Porém manteve restrições para outros serviços e atividades, que, agora, são ampliadas.

Segundo o texto, as medidas são necessárias tendo em vista o aumento dos casos de pessoas contaminadas pelo novo coronavírus e as mortes em decorrência de complicações da doença.

Isolamento social das pessoas do grupo de risco

No decreto de abril, era recomendado o isolamento social de pessoas consideradas do grupo de risco. Agora, fica determinado o isolamento social desse grupo que inclui idosos acima de 60 anos, gestantes e pessoas com doenças respiratórias crônicas. Essas pessoas só devem sair para compromisso de trabalho ou atividade estritamente necessária.

O decreto ainda estabelece que os idosos só terão direito à gratuidade do transporte público no período das 09h às 16h.

Suspende ambulantes

O texto do novo decreto também suspende a atividade de ambulantes nas ruas de Pouso Alegre. No documento de abril já estavam suspensas atividade como eventos públicos e particulares, cinemas, boates, campos de futebol e quadras por serem considerados locais que possibilitam a aglomeração de pessoas.

O comércio ambulante em Pouso Alegre foi motivo de reclamações por parte da Acipa. Em nota enviada à redação do Terra do Mandu a entidade que representa os comerciantes já questionava o aumento no número de vendedores nas ruas do Centro da cidade.

“Tal prática é realizada sem observância das regras da OMS, Decretos lei da União, Estado e Município de higiene pessoal e coletiva, distanciamento social e utilização de máscaras que, acaba por contribuir para aglomerações, colocando em risco a saúde das pessoas.

Sendo assim, a ACIPA, na condição de entidade representante e defensora do comércio local, em parceria com a Prefeitura Municipal de Pouso Alegre, neste inédito período de crise, tomará medidas efetivas para coibir referida prática ilegal visando o fortalecimento do comércio, bem como, evitar o aumento demasiado de casos do COVID-19”, dizia a nota.

Casos de Covid em Pouso Alegre

O boletim epidemiológico da prefeitura de Pouso Alegre, divulgado nesta sexta-feira (10), informa que são 443 casos confirmados de coronavírus no município. Considerando os dados da última sexta-feira, dia 03, com os dados de hoje, são 89 novos casos positivos para o vírus no município. No período foram confirmadas sete mortes. A taxa de recuperados se manteve em torno dos 85%.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.