0

Vereador é assassinado com tiro dentro de carro em Munhoz

Magson Gomes
19/05/2020

Segundo PM, suspeito do crime foi identificado e é procurado em Minas e São Paulo, para onde pode ter fugido. A motivação para o assassinato teria sido uma confusão há quatro meses.

Um vereador de Munhoz, na divisa de Minas com São Paulo, foi morto com um tiro na cabeça dentro do próprio carro no Centro da cidade. A Polícia Militar foi chamada, mas encontrou Benedito Cândido Brandão Primo, de 62 anos, já sem vida. O crime foi na noite desta segunda-feira (18).

A PM informou, na tarde desta terça-feira, que identificou um homem, de 66 anos, como suspeito do crime. Esse possível autor teria se envolvido numa confusão com o vereador em fevereiro desse ano, quando levou um soco no rosto, dado pelo político. A polícia acredita que o homicídio tenha sido uma vingança.

Ainda de acordo com a PM, câmeras de segurança mostram a possível fuga do suspeito do local do crime. Ele está sendo procurado. Munhoz fica na divisa de Minas com São Paulo e a polícia paulista já foi informada de que o suspeito possa estar no estado vizinho.

Vereador estava no 2º mandato

O vereador Benedito Cândido, mais conhecido como “Sabá”, estava no segundo mandato na Câmara Municipal. O primeiro tinha sido entre 1989 e 1992. A Câmara divulgou uma nota de pesar, lamentando a morte do vereador.

O corpo de Sabá está sendo velado no ginásio municipal. O sepultamento será no Cemitério Municipal, às 18h desta terça. O vereador era separado e deixa duas filhas.

Segundo moradores, Sabá era muito querido na cidade e, dificilmente, se envolvia em confusão.

NOTA DE PESAR CÂMARA MUNICIPAL

É com imensa tristeza que a Câmara Municipal de Munhoz, em nome de todos os Vereadores e funcionários, vem manifestar o seu profundo pesar pelo falecimento do Vereador Benedito Cândido Brandão Primo, ocorrido nesta segunda-feira, 18/05/2020.

Benedito Candido Brandão Primo era conhecido como Sabá e iniciou sua vida pública em 1989, ocupando seu primeiro mandato como vereador de 1.º de janeiro de 1989 a 31 de dezembro de 1992 e ocupando o seu segundo mandato como vereador de 2017 até o presente momento.

Neste momento nos faltam palavras que possam expressar a imensurável tristeza presente em nossos corações e a nós resta rogarmos a Deus que conforte os corações de familiares, amigos e de todos, pois sabemos que em nosso município, o nosso lar está em luto por esta grande perda.

Ficamos com as lembranças das boas ações realizadas por nosso querido amigo que neste momento deixa além de familiares, incontáveis amigos com os corações tristes.

Pedimos a Deus que em sua infinita bondade acolha o nosso nobre amigo e a ele dê o merecido descanso eterno.

A toda família e amigos os nossos mais sinceros sentimentos.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.