0

Pouso Alegre suspende aulas municipais e cria comitê de enfrentamento ao coronavírus

Magson Gomes
16/03/2020

Univás e Faculdade de Direto também interrompem as atividades presenciais. Outras instituições de ensino da região já tinham informado a medida. Prefeituras também anunciaram decretos de emergência e suspensão de eventos e aulas.

Reunião na prefeitura definiu ações e criação de comitê de enfrentamento do novo coronavírus. Foto: Ascom prefeitura

A prefeitura de Pouso Alegre comunicou na noite desta segunda-feira (16) que as aulas na rede municipal estarão suspensas, seguindo o que foi orientado pelo decreto do governador Romeu Zema de Domingo. O prefeito Rafael Simões, em reunião na prefeitura, afirmou que um decreto será assinado por ele regulamentando a paralisação das aulas, além de outras medidas. As aulas municipais estão suspensas até o dia 31/03, mas situação poderá ser prorrogada.

O prefeito também explicou que foi criado em Pouso Alegre um comitê de emergência de enfrentamento do coronavírus. Esse órgão é composto por autoridades e técnicos da área de saúde. O objetivo é tomar decisões para tentar conter que o vírus se espalhe.

“Quero deixar a população tranquila de que estamos adotando todas as medidas, seguindo os protocolos dos governos estadual e federal e orientações técnicas que estão sendo nos passadas”, afirma Simões.

AULAS INTERROMPIDAS EM UNIVERSIDADES E FACULDADES

Após a reunião na prefeitura, a Faculdade de Direito do Sul de Minas (FDSM) e a Universidade do Vale do Sapucaí (Univás) também divulgaram comunicados que as aulas e atividades presenciais na universidade serão interrompidas a partir desta quarta-feira (18). Na FDSM a interrupção vai até, pelo menos, o dia 31/03 e na Univás até o dia 30/03.

“Vale ressaltar, que o comitê de crise estará monitorando diariamente o andamento da situação, tanto o que ocorre no país como em nossa cidade e Instituição, e caso julgar-se necessário, este período de interrupção poderá ser suspenso ou prorrogado.

Pedimos que todos os envolvidos com a academia procure reduzir e até mesmo evitar atividades que possam prejudicar o período de interrupção, tais como, festas, confraternizações, eventos que possam contar com mais de 100 pessoas”, informa comunicado da Univás.

Outras instituições de ensino de Pouso Alegre e prefeituras da região também já suspenderam aulas e cancelaram eventos públicos.

É o caso das prefeituras de Extrema, onde as aulas serão suspensas por 30 dias, e Santa Rita do Sapucaí, que suspendeu pelo período recomendado pelo governo do estado.

LEIA TAMBÉM: Coronavírus: Casos suspeitos e medidas adotadas em Pouso Alegre e região

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.