0

Homem morre após carro bater em caminhão e pegar fogo na BR-459

Magson Gomes
10/01/2020

Segundo a PM, motorista do carro estava fugindo de acidente ocorrido em Congonhal quando bateu de frente com caminhão carregado de batatas. O motorista do caminhão não ficou ferido. Rodovia ficou fechada nos dois sentidos. A vítima fatal é Marcos de Oliveira Muniz, de 45 anos.

Carro ficou estilhaçado e pegou fogo. Foto: Magson Gomes/Terra do Mandu

Um homem, de 45 anos, morreu em um grave acidente na noite desta sexta-feira (10), na BR-459, próximo a Congonhal. O carro em que a vítima fatal estava bateu de frente com um caminhão carregado de batatas. Após a batida, o carro pegou fogo. O motorista foi ejetado e morreu no local.

O motorista do caminhão de batatas não ficou ferido. Assustado, após o acidente ele foi a pé até a cidade. Depois retornou para o local do acidente com o dono do caminhão e prestou informações à polícia.

A vítima fatal foi identificada como Marcos de Oliveira Muniz. Ele era cabeleireiro em Congonhal.

Corpo de Marcos de Oliveira Muniz será velado em Pouso Alegre e depois seguirá para sepultamento em Congonhal. Foto: reprodução

O acidente foi no KM 88, próximo a área urbana de Congonhal. O trânsito na rodovia ficou fechado nos dois sentidos. O Corpo de Bombeiros de Pouso Alegre foi até o local para apagar as chamas do carro, um vectra sedan.

De acordo com a Polícia Militar, o motorista do carro tinha se envolvido em um acidente dentro da cidade de Congonhal instantes antes e saiu na BR-459, sentido Pouso Alegre. As viaturas da PM acompanharam e pediram apoio de viaturas da cidade vizinha para fazer o cerco e a abordagem. Porém, a cerca de dois quilômetros da cidade, o motorista bateu de frente com o caminhão.

A colisão foi tão forte que pedaços do carro ficaram espalhados pela rodovia. Uma das rodas desgrudou do veículo com parte do eixo. O motorista foi ejetado e lançado no acostamento. O carro dele foi consumido pelas chamas.

O caminhão de batatas atravessou a rodovia e parou em um barranco.

A rodovia foi liberada por volta da meia-noite, cerca de três horas depois do acidente, assim que foram concluídos os trabalhos da perícia da Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal.

O corpo do cabeleireiro foi levado para o Instituto Médico Legal de Pouso Alegre (IML). O sepultamento vai ocorrer neste sábado no cemitério de Congonhal.

A REPORTAGEM DO TERRA DO MANDU ESTEVE NO LOCAL. VEJA A ENTREVISTA COM A POLÍCIA MILITAR. TAMBÉM CONVERSAMOS COM O MOTORISTA DO CAMINHÃO DE BATATAS:

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.