Categoria: Pouso Alegre

Avenida Perimetral, em Pouso Alegre, será parcialmente interditada para obras. Foto: Ascom PMPA

A Avenida Perimetral, uma das mais movimentadas de Pouso Alegre, ficará parcialmente interditada neste sábado (25) e domingo (26) para realização de obras. De acordo com a prefeitura, a interdição acontecerá nos dois sentidos da via, mas em datas diferentes.

Nos dias 25 e 26 de setembro, a avenida ficará interditada no sentido Centro/BR-459. Já nos dias 02 e 03 de outubro, será no sentido BR-459/Centro. A via será interditada para implementação de galerias pluviais.

A prefeitura ainda informou que nessas datas haverá um desvio para os veículos pela outra faixa da Perimetral. Um pequeno trecho será transformado em mão dupla.

É importante que os motoristas tenham atenção ao passar pelo local e, se possível, procurem rotas alternativas nesses dias em que a avenida Perimetral ficará parcialmente interditada.

Categoria: Pouso Alegre

De acordo com a secretaria municipal de Saúde de Pouso Alegre, a busca pela dose de reforço contra a Covid-19 ainda é baixa. Os postos já estão aplicando o imunizante para os idosos desde o início da semana.

A secretaria reforça que é importante que as pessoas procurem pelos locais de vacinação para reforçar a sua imunização contra o novo coronavírus, conforme recomendado pelo Ministério da Saúde.

Nesta sexta-feira (24) e também no sábado (25), os idosos com 80 anos completos ou mais podem procurar por um dos postos de saúde que realizam a imunização. As unidades onde é feita a aplicação são dos bairros Cidade Jardim, São João, São Cristóvão, Pão de Açúcar e Puericultura (Centro).

O horário de atendimento durante a semana é das 13h às 19h, e neste sábado os postos vão atender das 8h às 16h. Para se vacinar é indispensável a apresentação do Cartão de Vacinação e documento com foto.

Para tomar a dose de reforço, o idoso precisa estar imunizado com a segunda dose há, pelo menos, seis meses.

Categoria: Pouso Alegre

Nesta quarta-feira (22), o prefeito Rafael Simões (DEM) sancionou o Novo Plano Diretor de Pouso Alegre. O Projeto de Lei foi aprovado ontem (21), em segunda votação, sob protestos de um grupo de moradores dos bairros Jardim Floresta, Buritis e Parque Ibirá. Eles questionam o aumento do perímetro urbano na região do Parque Natural Municipal, que é área de preservação ambiental.

A nova lei estabelece as diretrizes para o desenvolvimento das cidades para os próximos 10 anos e sua elaboração é uma exigência federal para municípios com população acima de 20 mil habitantes.

A votação sob protestos

O vereador Dr Edson Donizeti até pediu vistas ao projeto, tentando adiar a votação para discutir mais o assunto. O pedido do vereador foi rejeitado pelos demais colegas por 10 votos. E o projeto foi colocado em votação e aprovado por 11 votos a favor e três contra.

O novo plano Diretor começou a ser discutido em 2019. Foram realizadas 32 audiências para a elaboração do documento. Ontem, a proposta foi aprovada com 11 votos a favor e três contra.

Após a aprovação, os moradores que protestavam, aumentaram o tom. O presidente da Câmara, vereador Bruno Dias (DEM) suspendeu a reunião por 25 minutos.

Quando tentou retomar a sessão para votar os demais projetos da pauta do dia, os moradores continuaram com o protesto e o vereador decidiu encerrar a sessão, alegando descumprimento dos protocolos sanitários.

Prefeito sanciona o projeto e responde às críticas

Durante a sanção do projeto de lei, o prefeito Rafael Simões falou sobre a elaboração do projeto e respondeu aos protestos ocorridos na Câmara Municipal.

“Foram feitas diversas audiências para tratar do tema e somente agora apareceram para questionar e reivindicar mudanças, muitas deles em benefício próprio. Reforço que lamento o ocorrido e que seguiremos trabalhando para bem e desenvolvimento de nossa queria Pouso Alegre”, afirma o prefeito.

VEJA O VÍDEO:

Categoria: Pouso Alegre

Marilda Matias tinha 37 anos e trabalhava em Careaçu. Foto: reprodução Instagram

Um mês após a psicóloga Marilda Matias Ferreira dos Santos, de 37 anos, ser encontrada morta dentro do porta-malas do próprio carro, em Pouso Alegre, o caso segue sem respostas. A Polícia Civil informou que aguarda o resultado de exames toxicológicos, que poderão dizer a causa da morte.

De acordo com a perícia, a vítima morreu por asfixia, mas apenas o exame toxicológico vai apontar se foi ingerida ou injetada alguma substancia antes da psicóloga sofrer asfixia. Porém, segundo a polícia, ainda não há previsão de quando o resultado desses exames ficará pronto.

Até o momento, todas as informações prestadas pelo marido da vítima foram checadas e confirmadas. Ainda conforme a Polícia Civil, nenhuma hipótese será descartada até a conclusão da investigação.

Relembre o caso

Psicóloga foi encontrada morta dentro do porta-malas do próprio carro, em Pouso Alegre. Foto: Terra do Mandu

A psicóloga Marilda Matias Ferreira dos Santos, de 37 anos, foi encontrada morta dentro do porta-malas do próprio carro no dia 22 de agosto, em Pouso Alegre. O veículo estava estacionado na garagem da casa da vítima. Quem encontrou o corpo e chamou a polícia foi o marido da psicóloga, um médico veterinário, de 62 anos.

De acordo com a Polícia Civil, a vítima estava como os pés e as mãos amarradas, com roupa e capacete de ciclismo, e sem sinais aparentes de violência. Na casa onde a psicóloga morava também não havia indícios de arrombamento.

No dia 29 de agosto, o delegado regional, Renato Gavião afirmou que que nenhuma hipótese foi descartada. “A vítima foi localizada sem nenhum sinal de violência, nenhum sinal de arranhão, nenhum sinal de injeção ou qualquer coisa do tipo. Então, hoje a Polícia Civil trabalha com todas as hipóteses. Não podemos falar em crime de homicídio, não podemos falar em suicídio até a conclusão da investigação,” afirma o delegado.

Ainda segundo o delegado, as amarras dos pés e das mãos poderiam ter sido feitas por uma terceira pessoa ou até por ela mesma. “Estava amarrado, mas uma amarração que pode ter sido realizada pela própria vítima, como pode ter sido realizada por um terceiro. A Polícia Civil está investigando tudo para que esse fato seja, devidamente, esclarecido”, disse o delegado.

Depoimento do marido

Em depoimento prestado à polícia, o marido da vítima disse que  estava trabalhando na fazenda onde presta serviço, no município de Careaçu, quando recebeu uma mensagem da esposa, por volta das 11h50 de sábado, dizendo que iria pegar uma bike speed emprestada com um amigo para pedalar até Borda da Mata.

O marido contou que chegou em casa por volta das 16h30 e que a esposa não estava. Naquele momento, ele não achou estranho porque ela teria falado que chegaria mais tarde do passeio. Porém, mais tarde ela não apareceu, e ele começou a procurar em hospitais e delegacia – mas não teve notícias da psicóloga.

O homem ainda relatou que ficou a noite acordado, preocupado, já que os pertences da vítima estavam em casa, como celular, bolsa e outros objetos. Na manhã do dia seguinte, o marido resolveu abrir o carro da esposa, que estava na garagem, e encontrou Marilda sem vida no porta-malas.

De acordo com a Polícia Civil, tudo o que o marido disse no depoimento foi confirmado, e que não há nada que incrimine o médico veterinário no caso. “Por enquanto, não tem nada que o desabone. Tudo que ele relatou para a Polícia Civil condiz com o que foi apurado. Não podemos falar que ele é o autor de qualquer delito”, disse o delegado Renato Gavião no último pronunciamento.

Todos os passos anteriores feitos pela vítimas estão sendo checados, assim como todas as informações e passos do marido. A Polícia Civil informou que aguarda o resultado de exames toxicológicos, que poderão dizer a causa da morte.

Família e amigos não acreditam em suicídio

A reportagem do Terra do Mandu conversou com a mãe da psicóloga Marilda, Luzia Matias, e com colegas que trabalhavam com a vítima na unidade de saúde em Careaçu. Eles não acreditam que ela tenha tirado a própria vida.

A mãe da vítima disse que a filha era cheia de vida e muito querida por todos. “Ela não ia tirar a vida dela não. A minha filha era muito querida em Pouso Alegre”, afirma Luzia Matias.

No entanto, a mãe da vítima também confirmou que a filha não estava feliz no Sul de Minas e queria voltar a morar com ela, em Bauru, no interior de São Paulo. “Ela só pediu pra mim que queria ir embora para Bauru. Ela ainda falou assim pra mim ‘mãe, vende a sua casa e a gente vai morar junto’. Na verdade ela não estava feliz aí [Pouso Alegre]. Ela nunca entrou muito em detalhe comigo, ela era reservada”, disse a mãe da psicóloga.

Categoria: Pouso Alegre

A polícia procura por dois homens que assaltaram o posto de combustíveis que fica no bairro São João, em Pouso Alegre. O roubo ocorreu na noite deste domingo (19). O circuito de câmeras de segurança registrou a ação.

O frentista que estava no momento do assalto contou que os bandidos chegaram em uma moto XRE. O garupa desceu armado e anunciou o assalto, levando o dinheiro do caixa e do cofre, de dentro do escritório. O valor levado não foi informado.

As características dos autores foram repassadas para as demais equipes e a Polícia Militar segue em rastreamento. Até o momento não foram localizados.

Categoria: Pouso Alegre

Pouso Alegre faz pit stop para ‘repescagem’ e segunda dose neste sábado. Foto: Terra do Mandu

Moradores de Pouso Alegre que ainda não tomaram a primeira dose da vacina contra Covid-19 terão mais uma oportunidade para se imunizar. Neste sábado (18), a prefeitura fará repescagem para vacinação do público acima de 18 anos. Também haverá aplicação da segunda dose.

A imunização será em sistema drive-thru, das 08 às 16h, no campus Fátima da Univás. A administração municipal informou que a vacina não será aplicada nos postos de saúde da cidade neste fim de semana.

Para receber a primeira dose, é preciso apresentar documento com foto, comprovante de endereço e cartão SUS cadastrado em Pouso Alegre. Já para tomar a segunda dose, base apresentar o cartão de vacinação e um documento.

A vacinação do último público da população adulta aconteceu na quinta-feira (16). Agora, a prefeitura fará  repescagem da primeira dose para pessoas acima de 18 anos que por algum motivo ainda não se vacinaram.

Categoria: Pouso Alegre

Um grupo de moradores dos bairros Jardim Floresta, Buritis e Parque Ibirá, em Pouso Alegre questiona o aumento do perímetro urbano na região do Parque Natural Municipal, que é área de preservação ambiental. Nos apontamentos mostrados pelos moradores, a atual área de amortecimento da mata do Horto Florestal passará a ser zona urbana, com permissão para construção imobiliária. VEJA O QUE DIZEM OS MORAORES NO VÍDEO.

O novo Plano Diretor de Pouso Alegre está na fase e votação pelos vereadores. O projeto que se tornará lei estabelece as diretrizes para o desenvolvimento da cidades para os próximos 10 anos e sua elaboração é uma exigência federal para municípios com população acima de 20 mil habitantes. As discussões para esse novo documento começaram em 2019 e foi suspensas durante um período, devido à pandemia da Covid-19.

No abaixo-assinado, os moradores dos três bairros ainda citam que o crescimento populacional poderá acarretar em outros problemas, relacionado à infraestrutura e segurança da região, trazendo prejuízos à qualidade de vida. O documento teve mais de 200 assinaturas e propõe emenda ao projeto do Plano Diretor para que se mantenha as áreas de amortecimento.

As reivindicações foram entregues para vereadores. A reportagem também entrou em contato com a prefeitura, responsável pelo texto final do projeto, após as discussões nas audiências públicas. Porém, até a publicação dessa matéria, nenhuma posição sobre o novo plano diretor foi passada.

O presidente da Câmara Municipal, Bruno Dias (DEM), falou ao vivo no Mandu News sobre o assunto. O projeto foi aprovado em primeiro turno em sessão ordinária dessa semana. O vereador explica o que foi levado em consideração na preparação e redação final do projeto que está em votação. VEJA A ENTREVISTA NO VÍDEO ABAIXO:

Categoria: Pouso Alegre

Pouso Alegre ampliou a vacinação contra a Covid para jovens de 18 a 20 anos de idade. A imunização desse público será realizada entre terça (14) e quinta-feira (16) nos postos de saúde do município, de acordo com a idade.

  • terça-feira (14): pessoas com 20 anos completos;
  • quarta-feira (15): pessoas com 19 anos completos;
  • quinta-feira (16): pessoas com 18 anos completos.

A vacinação acontece, das 13h às 19h, nos postos de Saúde Cidade Jardim, São João, São Cristóvão, Puericultura e Pão de Açúcar, conforme idades e dias estabelecidos. Para se vacinar é necessário ter se cadastrado no site da prefeitura, e apresentar documento com foto, comprovante de endereço e cartão SUS cadastrado em Pouso Alegre.

Já no sábado (18), a prefeitura realiza mais um drive-thru para vacinar todos as pessoas acima dos 18 anos, tanto com a primeira dose, quanto com a segunda dose. O pit stop acontece, das 8h às 16h, no campus Fátima da Univás.

Vacinação em Pouso Alegre

A prefeitura divulgou, nesta segunda-feira (13), como está o ritmo da vacinação em Pouso Alegre. Até sexta-feira (10), 106.302 moradores já haviam recebido a primeira dose, 46.875 a segunda dose e 3.713 a dose única.

De acordo com a prefeitura de Pouso Alegre, 93,7% da população adulta já foi imunizada com a primeira dose ou dose única e 43,1% com as duas doses. Agora, a expectativa é concluir nos próximos dias a aplicação da primeira dose em todos os moradores com mais de 18 anos.

Categoria: Pouso Alegre

Pouso Alegre aplica 2ª dose contra Covid em sistema drive-thru. Foto: Terra do Mandu

Pouso Alegre realiza mais um drive-thru para aplicação da segunda dose da vacina contra Covid-19. Neste sábado (11), moradores que estão com o vencimento marcado até o dia 12 ou 19 de setembro podem procurar o pit stop que acontece na Univás, unidade do Fátima, das 08h às 16h.

  • Coronavac: com vencimento da segunda dose até 12/09;
  • Pfizer: com vencimento da segunda dose até 19/09;
  • AstraZeneca: com vencimento da segunda dose até 19/09.

Vale destacar que para receber a segunda dose é indispensável levar o cartão de vacinação, comprovando a data em que tomou a primeira dose, e um documento com foto.

O prefeito de Pouso Alegre, Rafael Simões, afirmou que aguarda a chegada de novas doses contra a Covid-19 para ampliar a vacinação por idade. Nesse momento, pessoas acima de 21 anos estão sendo imunizadas no município.

“Lamentavelmente nós não recebemos doses suficientes para fazer a primeira dose naqueles que já têm 20 anos completos. Mas estamos cobrando a Secretaria de Estado de Minas Gerais para que mande pra cá as doses, já que o governador está anunciando que vai vacinar até criança, e nós não estamos recebendo as doses necessárias para terminarmos os 18 anos completos”, afirma o prefeito.

Categoria: Pouso Alegre

Um cavalo que estava solto na Avenida Dique 2, em Pouso Alegre, foi atropelado por um veículo na manhã desta sexta-feira (10). O animal não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

De acordo com a Defesa Civil, o acidente aconteceu por volta das 07h30. Uma faixa da avenida ficou interditada, o que gerou lentidão no trânsito, por ser horário de pico.

A Polícia Militar, Defesa Civil e Secretaria de Trânsito estiveram no local e isolaram a área. A pista ficou parcialmente interditada até que a Limpeza Urbana retirasse o animal da avenida.

De acordo com a Defesa Civil, o cavalo fraturou as patas, não resistiu aos ferimentos e morreu. O motorista do veículo não foi identificado, nem o proprietário do animal. Um boletim de ocorrência foi registrado.

O vereador Hélio da Van postou um vídeo em suas redes sociais, que mostra o acidente, indignado com a situação. Ele está coletando assinaturas da população para fazer um projeto de lei que proíbe o uso de cavalos no município.

“Estamos coletando assinaturas na praça Senador José Bento hoje (10) e amanhã (11). Se você fica indignado, ajude”, publicou no Facebook.