Categoria: Notícia

Foram 27 mortes em cidades da regional em uma semana. Dos 53 municípios que fazem parte da regional de Pouso Alegre, 50 têm casos confirmados do coronavírus.

A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) confirmou 27 mortes por Covid-19 em cidades da Regional de Saúde de Pouso Alegre em uma semana. O total de óbitos em decorrência da pandemia passou de 82 para 109 registros.

Dos 53 municípios que compõem a regional, 27 já têm, pelo menos, uma morte pela doença. Pouso Alegre com 15 óbitos (a SES-MG ainda não computou a 16ª morte confirmada sábado pela prefeitura), tem o maior número de vítimas fatais, seguido de Poços de Caldas (14) e Borda da Mata (09), onde foram registradas seis mortes apenas no asilo da cidade.

Recorte do boletim da SES-MG deste domingo (02) com o número de mortes por Covid-19 na Regional de Pouso Alegre. Imagem: reprodução SES-MG

Total de caso aproxima dos 5 mil

O número total de moradores dos municípios da Regional de Pouso Alegre que foram infectados pelo coronavírus chegou aos 4.969 e se aproxima da marca dos 5 mil casos. Desse total, 3.783 pacientes estão recuperados. Outros 1.077 continuam em acompanhamento médico.

No índice por cidade, Pouso Alegre também segue com o maior registro, com 974 moradores que testaram positivo para a Covid-19. Extrema vem logo na sequência com 956 confirmações.

Categoria: Notícia

Igrejas limitam número de pessoas, que devem fazer reserva de vaga e ir de máscara. Foto: Terra do Mandu

Quatro meses e meio depois, os fiéis puderam voltar às missas nas igrejas de Pouso Alegre. Este domingo (02) é o primeiro a ter celebrações com a presença de público desde a suspensão em 18 de março, por causa da pandemia da Covid-19.

A primeira missa na Catedral Metropolitana foi às 07h. Outras seis celebrações acontecem ao longo do dia. O público é limitado a 135 pessoas, que devem fazer a reserva com antecedência na secretaria paroquial. A entrada é controlada por voluntários da paróquia. Álcool em gel é disponibilizado e todos devem estar de máscara.

O plano de retomada das celebrações com os fiéis foi anunciado pela Arquidiocese de Pouso Alegre no início do mês passado. Há uma série de regras para respeitar o distanciamento e obedecer às medidas de prevenção ao coronavírus.

As regras valem para as demais paróquias e comunidades de Pouso Alegre, cada uma têm um limite de fiéis, de acordo com o tamanho da igreja.

O encanador Nilson Carlo de Almeida de Araújo estava passando pelo centro e quis assistir à missa na catedral. Como não havia feito reserva de vaga, acompanhou a celebração do lado de fora mesmo.

“Eu ainda não sabia que era preciso fazer a reserva. Como não posso durante a semana, já acompanhei por aqui mesmo”, disse ele na porta da igreja.

Foto: Terra do Mandu

Os horários de missa na catedral neste domingo: 07h; 09h30; 12h15; 15h; 18h e 20h30.

Caso a pessoa chegue em um dos horários e restam vagas, poderá entrar até completar os 135 fiéis. Na missa das nove havia 132 reservas, os três primeiros a chegar puderam entrar e acompanhar a missa de dentro da igreja.

Categoria: Notícia

Cada participante faz sua ‘prova’ em seu percurso de 5 km ou 10 km, registra no GPS e envia à organização. Quem completar o percurso receberá medalha de participação. As provas devem ser cumpridas entre 03 e 20 de agosto.

Mas, para manter os moradores em atividade, a tem promovido alguns desafios em que cada competidor faz sua prova de maneira quase solitária.

Depois dos desafios das embaixadinhas com papel higiênico e o polichinelo, agora a superintendência municipal de Esportes de Pouso Alegre lança a ‘Corrida e Caminhada Virtual’, com percusos de 5km e 10 km.

Durante a pandemia da Covid-19 estão proibidas as competições e exercícios coletivos em Pouso Alegre. Mas isso não significa que você tem que ficar parado.

“Nossa intenção é combater o estresse que geralmente afeta pessoas mantidas em isolamento social devido à pandemia do coronavírus, além de promover o bem-estar físico e mental. Todos os desafios realizados até aqui foram muito bem recebidos e tiveram grande participação”, diz o superintendente Rooney Sousa.

Neste novo desafio, o participante percorrerá, correndo ou caminhando, um percurso de 5 km ou 10 km, registrando o tempo e distância percorridos. O resultado é enviado à Superintendência de Esportes para avaliação.

As regras do novo desafio são: podem competir pessoas a partir de 16 anos de idade. O período será de 03 a 20 de agosto. O competidor deve utilizar relógio GPS ou o aplicativo de corrida. É indispensável o uso de máscara e que seja mantido o distanciamento recomendado pelos órgãos de saúde. O resultado deve ser enviado até o dia 20 de agosto, através do whatsApp (35) 99235-1491.

Os competidores que completarem o percurso receberão medalhas de participação no desafio. A entrega será feita a partir de 26 de agosto. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (35) 99235-1491.

Pouso Alegre promove desafio de corrida e caminhada – Imagem: reprodução pixabay

Categoria: Notícia

É a 12ª vítima da Covid-19 na cidade em um mês. O número de casos da doença está em 959, com 80% dos pacientes recuperados.

A prefeitura de Pouso Alegre confirmou, na manhã deste sábado (1º de agosto), a 16ª morte causada pela Covid-19 na município. A vítima é um idoso, de 68 anos, que estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) desde o dia 15 de julho. Ainda de acordo com a nota da prefeitura, o paciente tinha outras doenças preexistentes.

O óbito confirmado hoje é o 12º em um mês em Pouso Alegre. Até o dia 3 do mês passado o município registrava quatro vítimas da pandemia. O número de confirmações de infecções pelo vírus também deu um salto de 185% no mês de julho, passando de 337 para 959, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado nesta sexta-feira pela prefeitura.

Categoria: Notícia

É a nona morte em decorrência do coronavírus no município, que já registrou 92 moradores contaminados.

A prefeitura de Borda da Mata confirmou a nona morte por coronavírus no município, a sexta ocorrida no asilo da cidade. A morte registrada nesta sexta-feira (31) foi de uma idosa, de 68 anos, que estava internada no Hospital das Clínicas Samuel Libânio, em Pouso Alegre, desde o dia 14. Ela tinha outros problemas de saúde, como hipertensão arterial e diabetes, que agravam com a Covid-19.

De acordo com a prefeitura, ao todo, sete funcionários e 18 moradores do asilo foram diagnosticados com o coronavírus. Seis idosos morreram em decorrência das complicações provocadas pela pandemia. Eles tinham outras doenças preexistentes. Atualmente, dois idosos estão em tratamento. Um está internado no HCSL e outra está em isolamento ainda na instituição.

Segundo a prefeitura, a instituição continua seguindo rigorosamente as normas sanitárias vigentes, visando controlar e erradicar o surto, a fim de manter a saúde e bem-estar de todos idosos e funcionários.

Lar do idoso em Borda da Mata teve 25 casos de Covid, 18 em idosos. Foto: reprodução

92 casos de Covid no município

O boletim epidemiológico de ontem mostra que Borda da Mata chegou a 92 casos positivos de Covid-19. Desse total, 73 pacientes estão recuperados. São 10 pessoas em tratamento, com dois internados.

Nesta sexta, foram quatro novos casos registrados em diferentes bairros da cidade. Sertãozinho (2), Cervo (1) e Nossa Senhora de Fátima (1).

Categoria: Notícia

Boletim mostra que município chegou aos 959 infectados, 15 mortes e 772 pacientes recuperados desde o início da pandemia. Prefeitura aumentou fiscalização, com interdição de locais que descumprem medidas preventivas contra o coronavírus.

Pouso Alegre registrou um aumento de 185% nos casos de novo coronavírus em julho com relação ao mês anterior, com 11 mortes. É o que mostram os boletins divulgados pela prefeitura.

Nesta sexta-feira, dia 31, Pouso Alegre chegou a marca dos 959 confirmações positivas de Covid-19 em moradores da cidade. No último dia de junho o município tinha 337 registros da doença. São 622 novas contaminações no período.

A quantidade de mortes em decorrência de complicações da doença também deu um salto significativo. Nos primeiros três meses da pandemia foram quatro óbitos por coronavírus em Pouso Alegre. Apenas em julho foram mais 11 vítimas do vírus.

80% recuperados

O percentual de pacientes recuperados também é maior hoje. Enquanto no mês anterior 77% dos infectados estavam sem os sintomas, nesse último dia de julho a taxa está em 80%.

Dos 959 infectados, Pouso Alegre tem 772 pessoas recuperadas. São 172 pacientes em acompanhamento, com cinco internados em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 10 pacientes em internação clínica.

Ocupação de leitos

A taxa de ocupação de leitos de UTI nos hospitais de Pouso Alegre está em 57%, considerando todos os tratamentos. A ocupação dos leitos dedicados ao tratamento de pessoas com sintomas da Covid-19 está em 22%, conforme os dados do boletim desta sexta-feira.

Boletins de junho e julho mostram a evolução nos casos. Imagem: reprodução prefeitura

Medidas durante o mês

A prefeitura informou que aumentou a fiscalização a estabelecimentos que descumprem as regras de prevenção ao coronavírus. Bares, igrejas e restaurantes foram interditados.

A Polícia Militar também interrompeu festas clandestinas realizadas em pontos diferentes da cidade.

Categoria: Notícia

Foram seis meses de investigações. Estão sendo cumpridos nove mandados de prisão preventiva e 10 mandados de busca e apreensão.

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Estado de Minas Gerais, realiza, nesta sexta-feira (31), uma operação para prender integrantes de uma quadrilha especializada em roubos a bancos, mediante uso de explosivos e armas de grosso calibre.

Estão sendo cumpridos nove mandados de prisão preventiva e 10 mandados de busca e apreensão. Os mandados foram expedidos pelo juíz da 2ª Vara Criminal de São Gonçalo do Sapucaí, no Sul de Minas. As investigações duraram seis meses e foram conduzidas pelo Gaeco regional de Pouso Alegre.

Segundo os promotores e policiais que formam o Gaeco, os investigados moram em Divinópolis, no Centro-Oeste de Minas e estão diretamente envolvidos com os roubos às agências bancárias ocorridos em, pelo menos, quatro municípios do Sul de Minas em 2020.

A quadrilha é suspeita de atacar as agências em São Gonçalo do Sapucaí, no dia 15 de janeiro, Elói Mendes, no dia 03 de abril, Campo Belo, no dia 05 de maio e Pedralva, no dia seguinte, 06 de maio.

Para cumprimento dos mandados, foi solicitado o apoio ao Gaeco-unidade regional de Divinópolis, onde são cumpridos seis mandados de prisão e 10 mandados de busca e os apreensão. Grande número de policiais foi mobilizado para o êxito da operação. Também é cumprido um mandado de prisão em Itaúna e outros dois em Francisco Sá.

Ainda não há detalhes dos desdobramentos da operação, de pessoas presas e material apreendido.

Categoria: Notícia

Problema ainda não identificado ocorreu na subestação 1, que fica no bairro Pousada dos Campos.

Pouso Alegre sem energia na noite desta quinta-feira (30). Foto: Leandro Reis

Maior parte da cidade de Pouso Alegre ficou às escuras por alguns minutos, na noite desta quinta-feira (30). Houve queda de energia às 20h40, com retorno às 21h. Uma fonte da Cemig informou ao Terra do Mandu de que o problema ocorreu na subestação 1 da companhia, que fica no bairro Pousada dos Campos e abastece a maior parte da cidade.

Houve relatos de falta de energia em diversos bairros urbanos e rurais de Pouso Alegre. Moradores de cidades vizinhas como Congonhal e Espírito Santo do Dourado também relataram que ficaram sem luz.

A energia foi restabelecida em todos os pontos cerca de 20 minutos depois da queda do fornecimento.

ATUALIZAÇÃO

Em nota, divulgada pela assessoria de imprensa na manhã desta sexta-feira (31), “a Cemig esclarece que a interrupção acidental do fornecimento de energia  registrada em Pouso Alegre  na noite dessa quinta-feira (30/7), foi provocada por uma falha em equipamento da subestação Pouso Alegre 1”.
Conforme a nota, técnicos e eletricistas da empresa atuaram remotamente e no local para restabelecer a energia o mais rápido possível. O abastecimento foi normalizado para 100% dos clientes cerca de 20 minutos após o início da ocorrência.

Categoria: Notícia

Aumento é de até 80%. Por causa da pandemia, reunião foi pelo WhatsApp. A justificativa para votar o projeto é que os subsídios estavam defasados, prejudicando a contratação de médicos, já que os vencimentos do prefeito é o teto salarial no município. Veja os valores abaixo.

Os vereadores de Congonhal, no Sul de Minas, aprovaram um aumento de até 80% nos salários dos agentes políticos da cidade. Os novos valores para prefeito, vice, secretários e vereadores passarão a vigorar a partir de 2021, durante a nova Legislatura.

Os vencimentos dos vereadores receberam o maior percentual de reajuste, passando dos atuais R$ 1.108,00 para R$ 2 mil em janeiro, um acréscimo de 80%. Já o aumento dado para os cargos de secretários municipais ficou em 77%, saindo de R$ 2.100,00 para R$ 3.700,00.

Os salários do prefeito e do vice-prefeito receberam o mesmo percentual de aumento, 47%. O vencimento do prefeito passará de R$ 8.200 para R$ 12 mil. Já o vice receberá um valor mensal de R$ 4 mil. Este ano está em R$ 2.730.

A proposta foi aprovada por unanimidade dos votos dos nove vereadores da Câmara e já foi sancionada pelo prefeito Rubens Vilela (Lei Ordinária nº 1.481). A sessão foi realizada no dia 23 de junho, através de um grupo de WhatsApp. Devido à pandemia da Covid-19 não estão sendo realizadas as reuniões presenciais.

Até a publicação desta reportagem, a maioria da população da cidade, de 12 mil habitantes, que fica ao lado de Pouso Alegre, desconhecia que tal projeto tinha sido aprovado. Além das sessões serem em grupos privados de WhatsApp, o site da Câmara está desatualizado e não traz informações sobre projetos em tramitação ou votados recentemente.

Um morador ouviu uma conversa sobre a votação e pediu uma reportagem para apurar o assunto.

Justificativa para os aumentos

O presidente da Câmara, vereador Moisés Ferreira Vaz, justifica que era preciso votar a alteração no subsídio do prefeito porque a prefeitura está com dificuldades para contratar médicos para atuar no município, já que ninguém pode receber um salário acima do teto pago ao chefe do executivo municipal.

“Tivemos problema no final do ano passado com médicos deixando de trabalhar no município porque não podem receber acima do salário do prefeito, que estava em torno de R$ 8 mil e com desconto caía para cerca de R$ 7 mil”, conta o vereador.

Da mesma forma, diz o presidente do Legislativo, “hoje aqui não consegue contratar um secretário de saúde com formação técnica porque não tem salário suficiente, que está em R$ 2.100”.

Já quanto ao salário dos vereadores é o tempo sem aumento mesmo. Segundo a Câmara, a última votação de reajuste nos subsídios dos vereadores foi há 14 anos, em 2006. Já os salários do prefeito e do vice receberam um aumento em 2012.

A Câmara informa ainda que foi realizado um levantamento sobre os valores pagos em outros municípios da região. “A câmara nossa aqui é uma das mais enxutas, talvez, de Minas Gerais”, diz o presidente do Legislativo.

“A próxima gestão iria ficar travada se não fosse feita a votação de aumento. A gente não votou salário para nós. Votamos para a próxima gestão. A gente usou a coerência e a responsabilidade que nos compete para que o ajuste fosse feito para que próxima Legislatura e a próxima gestão não tenha problema”, finaliza o presidente da Câmara.

Lei passa a vigora em 2021, na nova Legislatura. Foto: reprodução

Categoria: Notícia

Município chegou aos 927 moradores contaminados. Dos diagnosticados, 162 pacientes estão em acompanhamento.

No boletim epidemiológico do coronavírus, divulgado nesta quinta-feira (30), Pouso Alegre confirmou 20 novos casos de Covid-19 e teve 21 pacientes recuperados em relação ao boletim de ontem.

A cidade chegou a 927 moradores contaminados desde o início da pandemia, com 750 já recuperados e não apresenta mais os sintomas da doença, 80% do total. Pouso Alegre registrou 15 mortes em decorrência de complicações do coronavírus. O que representa 1,6% dos infectados.

Hoje, são 162 pacientes que tiveram o diagnóstico do vírus que estão em acompanhamento, sendo 11 internados em leitos clínicos e seis em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Os demais estão em isolamento domiciliar.

Conforme os dados do boletim, a ocupação de leitos de UTI em Pouso Alegre está em 47%, considerando internações de todos os tipos. Já apenas os leitos dedicados ao tratamento à pessoas com sintomas da Covid-19 a taxa de ocupação está em 20%.

Segundo o monitoramento da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) que constam no boletim da prefeitura, a taxa de isolamento social em Pouso Alegre está em 38,8%. Ou seja, menos da metade da população segue as recomendações de ficar em casa e sair apenas em caso de última necessidade.

reprodução prefeitura de Pouso Alegre