Categoria: Notícia

IFSULDEMINAS abre inscrições para cursos de formação inicial e continuada à distância, em parceria com o Ministério do Turismo e Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC), por meio do Programa Novos Caminhos. Ao todo estão sendo ofertadas 5 mil vagas em seis cursos.

As inscrições serão feitas online, através deste link, até o próximo dia 13. A seleção dos alunos será feita através de sorteio eletrônico no dia 15 e o resultado com os classificados e lista de espera será divulgado no mesmo dia. A previsão de início das aulas é no dia 17 de dezembro.  Acesse o edital de inscrições aqui.  

Os cursos são voltados para a área do turismo. Veja abaixo a relação completa das vagas:

  • Espanhol Básico – 600 vagas
  • Espanhol Intermediário – 400 vagas
  • Agente de Recepção e Reserva em Meios de Hospedagem – 1.000 vagas
  • Mensageiro em Meio de Hospedagem – 1.00 vagas
  • Copeiro(a) – 1.000 vagas
  • Garçom/Garçonete – 1.000 vagas

Segundo o Pró-Reitor de Extensão do IFSULDEMINAS, professor Cléber Ávila Barbosa, é mais um trabalho da instituição, com o apoio da SETEC, em Brasília, no sentido de proporcionar novas oportunidades de capacitação junto à comunidade. “É uma iniciativa  relevante dado a  necessidade iminente de capacitação de uma área que foi e está sendo muito afetada pela pandemia: o turismo, que precisa se adequar e se reinventar!”.

Para mais informações, os interessados podem entrar em contato através do telefone: (35) 3449-6186.

Categoria: Notícia

Pouso Alegre recebe mapeamento de pontos turísticos. O levantamento será feito através de uma consultoria encomendada pelo Sebrae, juntamente com outras instituições parceiras, para mapear os roteiros turísticos da cidade.

O analista do Sebrae, Anderson Faria, explica que “a ideia desse trabalho é identificar potencialidades ainda pouco exploradas em relação ao turismo aqui na nossa cidade”.

O mapeamento será realizado nos vários tipos de turismo, como de experiência, religioso, rural, aventura e outros. No turismo de experiência, temos o exemplo da cultura do morango, que movimenta significativamente a economia local.

“Temos uma região muito rica de morango, o turista gosta de chegar, conhecer a plantação de morangos, saber como é feito a colheita. Isso tudo contribuí para o turismo”, ressalta Anderson.

Outro ponto destacado por ele é a cultura do pastel de farinha de milho, que os turistas também gostam de conhecer, saber como é feito e experimentar. Os tradicionais pasteis de farinha de milho de Pouso Alegre são tombados como patrimônio imaterial do município.

O analista também explica que o turismo gera riqueza não só de conhecimento, mas gera renda e desenvolvimento econômico do município. Por isso, o propósito do mapeamento é “contribuir com toda a cadeia do turismo, de todos os segmentos, micro e pequenas empresas, além de incentivar o empreendedorismo prático e o surgimento de novas empresas”.

A previsão é que até o início do próximo ano o mapeamento seja concluído. Após a entrega, será feita a diagramação do material para que sejam comercializados os roteiros turísticos de Pouso Alegre.

VEJA A REPORTAGEM COMPLETA:

Categoria: Notícia

Decoração em luzes de LED será permanente e faz parte da valorização de prédios tombados pelo patrimônio municipal

A capela dedicada à Nossa Senhora de Fátima em Pouso Alegre ganhou uma iluminação especial. Refletores de LED deixam a fachada da igrejinha, construída a quase 70 anos, multicolorida.

A capela guarda os poucos resquícios da arte Barroca em Pouso Alegre. Algumas peças da antigas Catedral (partes do altar, florões, medalhão, sacrário, peças ornamentais) foram reinstaladas na Capela e fazem parte do Trono – Retábulo onde se encontra a Imagem de Nossa Senhora de Fátima.

A inauguração da iluminação especial ocorreu nesta terça-feira (01), com a presença do prefeito Rafael Simões e do padre Jésus Andrade Guimarães, pároco da Paróquia de Fátima. VEJA NO VÍDEO ABAIXO.

A Capela de Nossa Senhora de Fátima, localizada na Rua Antônio Lemes da Silva, no bairro de Fátima, às margens da BR-459.

A iluminação é permanente e pode ter suas cores alternadas. Neste mês permanecerá na tonalidade vermelha, a exemplo de outros prédios tombados pelo patrimônio histórico do município e já iluminados pela prefeitura, em conformidade com a campanha do Dezembro Vermelho, mês dedicado à luta contra a aids.

A Capela de Fátima em Pouso Alegre

O surgimento da Capela de Fátima, no bairro de Fátima, em Pouso Alegre antecede a criação da Paróquia Nossa Senhora de Fátima. A construção da capelinha provisória começou em 04 de maio de 1953, por iniciativa do então cura da Catedral Metropolitana, Monsenhor Octaviano Lamanéres, em terreno doado pelos senhores Porfírio Ribeiro de Andrade, Ivo Guersoni e José Dutra de Faria.

Em 10 de maio, diante de uma multidão de fiéis, aconteceu a benção da primeira pedra do “futuro Santuário de Nossa Senhora de Fátima”, conforme registrado no Livro de Tombo da Capela. Uma imagem provisória de Nossa Senhora de Fátima foi colocada no local. A partir desta data, mensalmente, passou a ser celebrada Missa no local. Em 20 de setembro de 1953 foi posto e inaugurado o primeiro sino da capelinha.

Em 30 de outubro de 1954 chega a Pouso Alegre, vinda de Portugal, a imagem que atualmente se encontra no altar da Capela. Ela foi esculpida pelo mesmo escultor da imagem peregrina, abençoada no Santuário de Fátima (Portugal) e tocada pela irmã Lúcia, uma das videntes das aparições ocorridas na Cova da Iria. A construção definitiva, de tipologia eclética neoclássica, teve início anos depois, em setembro de 1961.

Imagem de Nossa Senhora de Fátima vinda de Portugal. Foto: Terra do Mandu

Diversas campanhas foram realizadas em prol da construção. Ao longo dos anos foram realizados melhoramentos e alterações no templo. A última foi a substituição do altar de madeira. Segundo relatos orais, ele foi retirado pois estava danificado pela ação do tempo e pelos carunchos.

Curiosidades: SONHO MARINO – Segundo desejo de Monsenhor Octaviano – antigo Cura da Catedral – a Capela de Nossa Senhora de Fátima seria um Santuário Mariano para a Cidade de Pouso Alegre. Assim seu empenho em trazer uma Imagem de Nossa Senhora de Fátima vinda de Portugal tocada pelas próprias mãos da vidente de Fátima, Irmã Lúcia, Carmelita em Coimbra.

ARTE BARROCA – Algumas peças da antigas Catedral (partes do altar, florões, medalhão, sacrário, peças ornamentais) foram reinstaladas na Capela e fazem parte do Trono – Retábulo onde se encontra a Imagem de Nossa Senhora de Fátima. Estas peças são os poucos resquícios de arte Barroca que podem ser vistos na cidade.

PATRIMÔNIO MUNICIPAL – A Capela de Fátima tem sua arquitetura tombada pelo Conselho Municipal de Cultura EM 1999. Com forma Neoclássica da década de sessenta conforme arquivo. A capela de Nossa Senhora de Fátima está na parte alta do Bairro de Fátima I, tendo como objetivo ser vista por toda cidade. (Com informações da secretaria de Estado de Turismo de Minas Gerais)

Categoria: Notícia

Uma jovem de 22 anos foi atacada com golpes de faca enquanto fazia caminhada no bairro Santa Rosa em Itajubá, na última terça-feira (01). Ela foi socorrida pelo SAMU e encaminhada ao Hospital das Clínicas do município.

Segundo a Polícia Militar, a jovem tinha medida protetiva contra o ex-companheiro, de 24 anos, que é o único suspeito do crime. O rapaz não se conformava com o término do relacionamento e por isso teria atacado a jovem.

A vítima deu entrada no hospital consciente e conversou com os militares. De acordo com o hospital, a jovem passou por cirurgia e está internada na UTI, mas o estado de saúde não foi informado.

A Polícia Militar está realizando buscas para localizar o autor do crime.

Categoria: Notícia

Bianca tem surdez moderada nos dois ouvidos e descobriu a doença durante a pandemia. O par de aparelhos pelo SUS demora cerca de 18 meses e pelo sistema privado custa cerca de R$ 13 mil.

Bianca, de 12 anos, se prepara para mais uma aula de ballet. Ela é bolsista da Escola Luiz Henrique em Pouso Alegre há cinco anos e, nesse período de pandemia, transforma o próprio quarto no espaço para ensaios e aulas. Ela quer ser bailarina profissional e “ir para a melhor escola do mundo, que é a academia de Bolshoi”, projeta a adolescente.

Bianca também está no sétimo ano do ensino fundamental. Ela é a filha única do casal Ana Marina e Rafael. Foi nesse ano, durante a pandemia, que os pais descobriram que a filha tem problema de audição.

Isso ocorreu porque o volume da televisão estava sempre alto demais para os ouvidos dos pais.

Bianca tem perda moderada nos dois ouvidos, tendo dificuldade para ouvir e entender o que as pessoas falam.

A fonoaudióloga Samanta Vieth fez a audiometria na estudante e confirma a necessidade de aparelho auditivo.

A família até buscou o SUS, através de uma clínica em Pouso Alegre, que fornece o par de aparelhos. Mas, de acordo com Ana Marina, são cerca de 18 meses para receber os dispositivos.

Já no sistema privado, o par da prótese auditiva custa cerca de R$ 13 mil. Sem condições financeiras para arcar com o tratamento, Ana Marina criou uma campanha de arrecadação online para pedir ajuda a mais pessoas. Por enquanto, nem 15% da meta foram atingidos.

As pessoas interessadas em fazer alguma contribuição podem clicar direto no link da ‘vakinha online da Bianca.

Bianca ensaia no próprio quarto durante a pandemia. Foto: Terra do Mandu

Categoria: Notícia

Homens e mulheres com dificuldades de locomoção vão praticar a modalidade. Foto: divulgação prefeitura

A Prefeitura de Pouso Alegre, através da Superintendência de Esportes, deu início ao projeto de Voleibol Sentado. Com aulas semanais, homens e mulheres com dificuldades de locomoção vão praticar a modalidade.

As atividades acontecem na Estação Cidadania com doze atletas que possuem alguma deficiência relacionada à locomoção. Para o superintendente de esportes, Rooney Ferreira e Souza, esse é um exemplo da inclusão promovida em Pouso Alegre utilizando o esporte. “Isso é um trabalho de inclusão social. Para as pessoas poderem fazer uma atividade física. É deficiente, mas pode fazer uma atividade física, pode praticar um esporte”, diz.

Projeto proporciona a inclusão de pessoas com deficiência. Foto: divulgação prefeitura

Claudemir Júlio é um dos atletas envolvidos no projeto. Cadeirante de alto astral, ele possui um problema que o impede de ficar de pé, mas não de alimentar a paixão pelo esporte, que trouxe consigo quando veio do interior paulista para o Sul de Minas.

Claudemir Júlio é cadeirante e apaixonado pelo esporte . Foto: divulgação prefeitura

“Esse vôlei sentado é bastante divertido. Pra nós tem uma importância muito grande, porque a gente vê que algumas cidades não tem em lugar nenhum. Mas aqui em Pouso Alegre a gente vai começar e vai trabalhar muito sério em relação às atividade paraolímpicas”, destaca Claudemir.

O lançamento do projeto marca a história do esporte na cidade, unindo a acessibilidade à oportunidade e sonhos. Como no caso de Nancy Aparecida Rocha, que espera utilizar o voleibol para levar o nome de Pouso Alegre a todos os cantos. “A gente está levando a sério o esporte pra pessoa poder ser um atleta de verdade, fazer nome lá fora, levar o nome da cidade aonde tem o vôlei sentado, com a inclusão da pessoa com deficiência no esporte, porque além de fazer bem pra saúde física, faz para saúde mental também”, afirma a jogadora.

O projeto encabeçado pelo professor José Ibrahim Dias busca levar a modalidade a quem só pode praticá-la sentado como forma de inclusão e promoção da saúde. “É uma novidade pra Pouso Alegre devido a ser algo atrativo, que todos que têm deficiência física podem participar”, pontua José Ibrahim.

Treinos acontecem às segundas-feiras, no bairro Santa Cecília. Foto: divulgação prefeitura

Os treinos são realizados às segundas-feiras, na quadra da Estação Cidadania, localizada na Avenida Pinto Cobra, nº 2015 (Perimetral), no bairro Santa Cecília.

Categoria: Notícia

As inscrições para o vestibular 2021 do IFSULDEMINAS terão início na próxima segunda-feira (07). Foto: Terra do Mandu

No total serão ofertadas mais de 3.300 vagas em 82 cursos, sendo 1.245 vagas para o ensino integrado, 700 para o subsequente e 1.368 para o ensino superior (sem contar as 267 vagas, via SISU, que serão disponibilizadas em edital próprio ainda a ser lançado).

As inscrições, que começam na próxima semana, devem ser feitas por meio deste link. Não haverá cobrança de taxa de inscrição no processo seletivo atual e a seleção se dará de forma totalmente on-line. Todas as informações, editais e atualizações deste processo seletivo estarão concentras no site do IFSULDEMINAS. neste site.

As oportunidades são para 44 cursos técnicos nos seis campi (Inconfidentes, Machado, Muzambinho, Passos, Poços de Caldas e Pouso Alegre) e dois campi avançados do instituto (Carmo de Minas e Três Corações) e 38 superiores, apenas nos campi.

Destacam-se dois novos cursos: os Técnicos Subsequentes em Design de Interiores (Campus Pouso Alegre) e em Geoprocessamento (Polo Inconfidentes), este com carga horária 100% on-line.

O Campus Pouso Alegre tem os cursos técnicos de Administração, Edificações e cursos superiores de Engenharia Civil, Engenharia Química dentre outros.

Formas de ingresso

O Ingresso no Ensino Técnico será feito por sorteio, ordem de inscrição ou análise de histórico escolar. Já no Ensino Superior, será com base na nota do candidato no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Neste ano, o IFSULDEMINAS também permitirá o ingresso de estudantes no ensino técnico e no superior por meio de vagas olímpicas (edital separado). Ou seja, estudantes premiados em Olimpíadas do Conhecimento poderão concorrer a vagas específicas.

Vagas destinadas para alunos de escolas públicas e demais cotas.

O IFSULDEMINAS reserva 50% de suas vagas à inclusão social, por meio da política de Ações Afirmativas para candidatos que tenham cursado integralmente o Ensino Fundamental em escolas públicas. Os outros 50% serão destinados à ampla concorrência, sendo que, destes, 5% serão reservados para candidatos com deficiências comprovadas por laudo (PcD Geral).

Para a comprovação da escolaridade, renda e deficiência de que tratam as vagas de Ações Afirmativas e o PcD Geral é obrigatório, no momento da matrícula, apresentar documentação comprobatória. Além disso, os candidatos autodeclarados negros, pardos ou indígenas serão submetidos à entrevista pela Comissão de Heteroidentificação Complementar.

Categoria: Notícia

Outro projeto apoiado pela Cooperativa atua na preservação ambiental. Os projetos estão em Santa Rita do Sapucaí e Pouso Alegre.

Um projeto social que atende dezenas de crianças de baixa renda, em Santa Rita do Sapucaí, e um projeto voltado para a preservação do meio ambiente, com a produção e distribuição de espécies florestais nativas de Mata Atlântica, em Pouso Alegre, estão entre os mais de 100 projetos apoiados pela Cooperativa de Crédito Sicredi em 2020.

O apoio é dado através do Fundo de Desenvolvimento Regional, com o objetivo de contribuir no desenvolvimento econômico, social e ambiental da sua área de atuação da Sicredi Alto Uruguai RS/SC/MG. Nos seus três estados de atuação, o investimento desse ano é próximo de R$ 2 milhões.

Projeto ‘Juntos Pelos Garotos e Garotas da Vila’

Projeto Garotos da Vila, em Santa Rita do Sapucaí. Foto: Divulgação Sicredi

Em Santa Rita do Sapucaí, o projeto apoiado pela Cooperativa é o ‘Juntos Pelos Garotos e Garotas da Vila’, que atende crianças de diferentes classes sociais, sendo que a maioria é de baixa renda. O projeto oferece várias atividades, como pilates, karatê, balé, jazz, futebol, futmesa, futebol de botão, possui ainda o espaço zen, camarim, área destinada ao artesanato e para plantar flores, jardim sustentável, cozinha com todos os móveis doados, salas de jogos, de materiais esportivos, de costura e o espaço de convivência. Oferece também atendimento de nutricionista e ainda de fisioterapia (para mulheres), e todos os profissionais envolvidos atuam de forma voluntária.

De acordo com a funcionária pública, voluntária e idealizadora do projeto – criado em 2017 – Isabel Ferreira, o Garotos da Vila começou com cinco crianças que treinavam futebol e foi crescendo diariamente, tendo hoje centenas de participantes nas mais diversas atividades oferecidas.

“Nosso trabalho é focado na amizade, amor, respeito, dedicação, e o mais importante, honestidade. O propósito é agir positivamente na vida deles para serem bons cidadãos. Queremos mostrar que o caminho do bem é possível para conquistar tudo na vida. A nossa metodologia é levar o amor às crianças e fazer chegar até a família delas”, conta Isabel.

O projeto tem parceria com a prefeitura, que ajuda com a subvenção e, neste ano, viabilizou o pagamento do aluguel. Também, algumas empresas locais apoiam e os pais que podem contribuem com doação voluntária no valor de R$ 20 a R$ 25 por mês. “Porém, se não fosse a parceria com o Sicredi o projeto não seria possível. Com o valor, conseguimos materiais esportivos, tatame, espelho do balé, uniformes e mantimentos às crianças que estão se alimentando com o apoio da Cooperativa. O Sicredi foi o primeiro lugar que ‘abriu as portas’ para nós e está sonhando isso junto com a gente e somos muito gratos por isso”, frisa a voluntária.

 

Projeto produz mudas de espécies da Mata Atlântica

Projeto ambiental apoiado pelo Sicredi. Foto: Divulgação

Outro projeto contemplado com recursos do Fundo é “Coleta, banco de sementes e produção de mudas de espécies florestais nativas de Mata Atlântica”, de Pouso Alegre. Através da Univás (Universidade do Vale do Sapucaí), o trabalho é desenvolvido anualmente com a produção de mudas nativas de espécies arbóreas, tanto ornamentais, quanto espécies destinadas para recuperação de áreas. Essas mudas são doadas e quem tem interesse, recebe orientação de como plantá-las.

Conforme o coordenador do curso de Ciências Biológicas da Univás, Rodrigo Machado Pereira, a universidade tem também um papel de responsabilidade ambiental e a ideia é aumentar o projeto. “Para isso, contamos com o apoio do Sicredi e conseguimos adquirir materiais que vão ser destinados a um processo sistematizado de produção dessas mudas. Com isso, vamos conseguir ampliar a produção e, com certeza, atingir um público muito maior”, ressalta o coordenador.

Da mesma forma, o diretor-acadêmico da Unidade Fátima da Univás, Guilherme Pincelli, ressaltou a importância da ajuda da Cooperativa. “A tendência é que a Univás, junto com os parceiros, como o Sicredi, procure trazer soluções à comunidade local e regional, e possa alinhar questões sociais e ambientais, pois tudo isso também está presente no DNA da universidade”, assegura Pincelli.

O gerente da agência de Pouso Alegre, Felipe Lazzaretti, salienta que o Fundo de Desenvolvimento Regional anualmente apoia projetos dos municípios da área de atuação da Cooperativa. “As categorias de projetos que podem ser contemplados com o recurso são empreendedorismo e inovação, educação, intercooperação e associativismo, cooperativismo, ambientais, de saúde coletiva e desenvolvimento social. Acreditamos que as categorias são abrangentes e envolvem projetos essenciais para os associados e comunidades onde estamos inseridos”, finaliza.

Categoria: Notícia

Beneficiários dos ciclos 3 e 4 podem sacar até R$ 3 BI a partir desta terça-feira (01).

A Caixa Econômica Federal liberou nesta terça-feira (01) o saque do Auxílio Emergencial para os nascidos em outubro. Os recursos também poderão ser transferidos da poupança digital para outra conta.

Foram creditados R$ 3 bilhões para os beneficiários dos ciclos 3 e 4 de pagamentos. Do total creditado, R$ 1,2 bilhão se refere às parcelas do auxílio emergencial e o restante, R$ 1,8 bilhão, às parcelas do auxílio emergencial extensão.

São cerca de 3,6 milhões de pessoas contempladas com o pagamento.

Calendário de pagamentos – Imagem: reprodução Caixa

Como realizar o saque em espécie

Para realizar o saque é necessário fazer o login no App Caixa Tem, selecionar a opção “saque sem cartão” e“gerar código de saque”. Depois, o trabalhador deve inserir a senha para visualizar o código de saque na tela do celular, com validade de uma hora.

Esse código será utilizado nos caixas eletrônicos da CAIXA, nas unidades lotéricas ou nos correspondentes CAIXA Aqui para liberar o saque.

Atendimento

Os saques em dinheiro podem ser feitos nas lotéricas, correspondentes CAIXA AQUI ou mesmo nas agências.

Continuam disponíveis aos beneficiários as opções de utilização dos recursos creditados na Poupança Social Digital para a realização de compras, por meio do cartão de débito virtual e QR Code, pagamento de boletos, contas de água, luz, telefone, entre outros serviços.

Também está disponível no aplicativo CAIXA Tem a funcionalidade para pagamentos sem cartão nas cerca de 13 mil unidades lotéricas do banco.

Categoria: Notícia

Nesta segunda-feira (30) a diretoria da ANEEL decidiu reativar o acionamento das Bandeiras Tarifárias.

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) decidiu em reunião extraordinária, realizada nesta segunda-feira (30), reativar a sistemática de acionamento das Bandeiras Tarifárias. A decisão foi necessária em virtude da queda no nível de armazenamento nos reservatórios das usinas hidrelétricas e a retomada do consumo de energia.

Aplicando a metodologia, ficou estabelecida a bandeira vermelha patamar 2,  no mês de dezembro, com custo de R$6,243 para cada 100 quilowatts/hora consumidos.

Imagem: reprodução ANEEL

“Com o anúncio da bandeira vermelha patamar 2 é importante que os consumidores busquem evitar o desperdício de água e energia”, disse o diretor-geral da ANEEL, André Pepitone em nota divulgada pela agência.

Em maio deste ano, em virtude da pandemia do coronavírus, a agência havia decido manter a bandeira verde acionada até o dia 31 de dezembro. Mas com a situação dos reservatórios a decisão de retomada foi necessária.

Entenda como funcionam as bandeiras tarifárias

O sistema de bandeiras tarifárias, criado pela ANEEL, funciona como uma sinalização para que o consumidor de energia elétrica conheça, mês a mês, as condições e os custos de geração no País.

Quando a produção nas usinas hidrelétricas (energia mais barata) está favorável, aciona-se a bandeira verde, sem acréscimos na tarifa. Em condições ruins, podem ser acionadas as bandeiras amarela, vermelha 1 ou vermelha 2.

Confira algumas dicas divulgadas pela ANEEL de como economizar energia

Chuveiro elétrico

  • Tomar banhos mais curtos, de até cinco minutos;
  • Selecionar a temperatura morna no verão;
  • Verificar as potências no seu chuveiro e calcular o seu consumo.

Ar condicionado

  • Não deixar portas e janelas abertas em ambientes com ar condicionado;
  • Manter os filtros limpos;
  • Diminuir ao máximo o tempo de utilização do aparelho;
  • Colocar cortinas nas janelas que recebem sol direto;

Geladeira

  • Só deixar a porta da geladeira aberta o tempo que for necessário;
  • Regular a temperatura interna de acordo com o manual de instruções;
  • Nunca colocar alimentos quentes dentro da geladeira;
  • Deixar espaço para ventilação na parte de trás da geladeira e não utilizá-la para secar panos;
  • Não forrar as prateleiras;
  • Descongelar a geladeira e verificar as borrachas de vedação regularmente.

Iluminação

  • Utilizar iluminação natural ou lâmpadas econômicas;
  • Apagar a luz ao sair de um cômodo;
  • Pintar o ambiente com cores claras.

Ferro de passar

  • Juntar roupas para passar de uma só vez;
  • Separar as roupas por tipo e começar por aquelas que exigem menor temperatura;
  • Nunca deixe o ferro ligado enquanto faz outra coisa.

Aparelhos em stand-by

  • Retirar os aparelhos da tomada quando possível ou durante longas ausências.