0

Acidente na BR-459 mata comerciante e ex-diretora de escola do Pantano

Roberto Rosa e Juliana Pereira tiveram carro atingido por caminhão ao entrar no trevo da BR-459 com MG-173.

Magson Gomes
19/10/2021

Juliana Pereira e Roberto Rosa. Foto: reprodução Câmara Municipal

O casal Roberto Rosa e Juliana Pereira faleceram, na tarde desta terça-feira (19), em um acidente de trânsito, no trevo da BR-459 com a MG-173, entre Pouso Alegre e Cachoeira de Minas. Roberto Rosa era comerciante do distrito São José do Pantano e Juliana foi professora e diretora da escola estadual do distrito.

O casal voltava de Ubatuba, após o feriado prolongado de aniversário de Pouso Alegre. A menos de 15 quilômetros de chegar na cidade, ao acessar o trevo da BR-459, o carro foi atingido por um caminhão que seguia no sentido Santa Rita do Sapucaí. O Corpo de Bombeiros  e o Samu foram ao local, porém, Roberto Rosa e Juliana faleceram dentro do veículo. As duas pessoas que estavam no caminhão tiveram apenas ferimentos leves.

Segundo amigos, casal voltava da praia quando sofreu o acidente. Foto: Corpo de Bombeiros

Notas de pesar

A Câmara Municipal de Pouso Alegre e a Superintendência Regional de Ensino são algumas das instituições que já manifestaram, em nota, pesar pelas mortes de Juliana Pereira e Roberto Rosa. O casal tinha uma loja de material de construção em São José do Pantano. Juliana também foi diretora da Escola Estadual Professora Mariana Pereira Fernandes.

Ainda não foram divulgadas informações sobre velório e sepultamento. Os corpos do casal ainda estão no Instituto Médico Legal (IML) de Pouso Alegre.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.