0

Bombeiro Amigo do Peito apoia coleta de leite materno em Pouso Alegre

Projeto, realizado pelo Corpo de Bombeiros em parceria com o Samuel Libânio, visa coletar e distribuir leite para bebês prematuros e/ou com distúrbios nutricionais.

Gabriella Starneck
19/05/2021

O Dia Mundial de Doação do Leite Humano é celebrado nesta quarta-feira, dia 19 de maio, com o intuito de sensibilizar a sociedade sobre a importância da doação de leite materno e também de estimular doações. Em Pouso Alegre, o projeto Bombeiro Amigo do Peito apoia a coleta e distribuição de leite, inclusive durante a pandemia.

“É um projeto social realizado pelo Corpo de Bombeiros Militar em parceria com o Hospital das Clínicas Samuel Libânio. O objetivo é coletar e distribuir o leite aos recém-nascidos, atendo aos casos considerados especiais, como prematuridade e distúrbios nutricionais”, explica a cabo dos Bombeiros Rafaela Santos.

O leite materno é destinado para bebês prematuros internados de baixo peso (menos de 2,5 kg) e/ou com patologias, e que não podem ser alimentados pelas mães. Estudos científicos apontam que quando os bebês se alimentam de leite humano possuem mais chances de recuperação e de terem uma vida mais saudável. Por isso, nessa corrente pela vida, cada gota de leite é importante.

“Eu sou muito grata por estar doando leite para o banco de leite do Samuel Libânio. É uma satisfação grandíssima poder ajudar outras vidas e outras crianças que precisam, afirma a doadora Patrícia Paula Augusta.

Como funciona a doação de leite

Toda mulher que está amamentando pode fazer a doação. Para isso, basta ser saudável e não tomar nenhum medicamento que interfira na amamentação. Essa ação pode ajudar várias crianças a terem uma vida mais saudável, já que 1 ml de leite pode ser suficiente para nutrir um recém-nascido a cada refeição, dependendo do peso.

Todo leite doado é submetido a um rigoroso controle de qualidade antes de ser ofertado ao recém-nascido. “Esse leite é enviado para Varginha e passa por um processo de pasteurização. Depois, ele retorna para ser administrado para os bebês de forma segura”, explica a técnica de enfermagem do Banco de Leite Karollayne Cristina Souza.

Para doar leite materno, basta ligar no Banco de Leite do Hospital Samuel Libânio, no número (35) 3429-3276, para fazer o cadastro. A coleta é realizada pelo Corpo de Bombeiros todas as segundas-feiras.

“O projeto é de suma importância, pois contribui para redução da mortalidade infantil em casos que demandam cuidados especiais em Unidades de Terapia Semi-Intensiva e Intensiva. São bebês que nasceram prematuros, e que pelas mais variadas razões precisam de redobrada atenção”, reforça Rafaela Santos.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.