0

Santa Rita do Sapucaí desconfirma o único caso de coronavírus registrado na cidade

Magson Gomes
14/05/2020

Novos exames descartaram que o rapaz, de 27 anos, estivesse contraído a Covid-19. Médico infectologista diz que paciente foi submetido a série de exames para chegar a conclusão de que não houve a contaminação.

Santa Rita do Sapucaí. Imagem: divulgação prefeitura

A prefeitura de Santa Rita do Sapucaí, no Sul de Minas, desconfirmou um caso de novo coronavírus na cidade, que havia sido notificado no dia 27 de abril. A retirada do caso ocorreu após o paciente se submeter a novos exames que descartaram que ele tivesse sido contaminado com a Covid-19. O médico infectologista da secretaria municipal de Saúde, Manoel Francisco de Paiva, explicou a situação em áudio publicado na página da prefeitura no Facebook.

Segundo a prefeitura, o paciente,  um rapaz, de 27 anos, teve contato com uma pessoa infectada e decidiu fazer o primeiro exame em um laboratório particular, mesmo sem apresentar sintomas da doença. O resultado deu positivo para Covid-19. Então, o paciente procurou outros laboratórios e refez o exame. Dessa vez deu negativo.

Diante do novos resultado, o morador procurou a prefeitura e foi encaminhado ao médico infectologista Manoel de Paiva. “Pedimos uma nova bateria de exames dele e voltou a confirmar negativo para novo coronavírus. Fiz um relatório para a secretaria de Saúde, confirmando como não portador do vírus. Ele foi submetido a uma série de exames para que a gente chegasse a essa conclusão. Não quero dizer que o primeiro laboratório errou. Porque, por vezes, numa pequena parcela de pacientes sem sintomas pode vir um resultado falso positivo”, afirma o médico.

Com a anulação da notificação, Santa Rita do Sapucaí voltar a ficar com zero casos de Covid-19. O infectologista diz que isso traz uma preocupação para as autoridades locais. “Porque zerando vai dar um aspecto de que aqui não tem nada, não tem problema. Mas é preciso manter os cuidados indicados nos protocolos de enfrentamento do novo coronavírus, com higienização das mãos, o uso de máscara ao sair de casa e manter o distanciamento social. Porque,  qualquer momento, podem surgir os primeiros casos na cidade. Vamos nos cuidar”, diz o médico.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.