0

Silvianópolis realiza 6º Festival Sabores e Saberes neste fim de semana

Magson Gomes
13/09/2019

Com o café como tema, festival tem mais de 15 atrações musicais, muita gastronomia e artesanato. Entrada franca.

O café é apresentado em vários espaços e receitas no evento. Foto: Poly Andrade

Até o próximo domingo (15), Silvianópolis sedia o 6º Festival Sabores e Saberes de Santana. Na programação tem muita gastronomia, mais de 15 apresentações culturais com música, dança e história. O destaque do festival é o café. A bebida mais consumida no mundo está presente em diversos momentos e espaços do evento como torras ao vivo, baristas fazem demonstrações de como preparar um bom café e pratos salgados que também levam a bebida na preparação.

O Brasil é o maior produtor de café do mundo, com produção estimada para 2019 de pouco mais de 50 milhões de sacas, segundo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). E Minas Gerais, consequentemente, é o maior produtor da fruta. Os sabores do café variam de acordo com a origem dos grãos, a variedade, como é cultivado, o pós-colheita, a torra, a moagem, entre outros fatores.

Exatamente por esse tema, o festival tem uma decoração que remete aos cafezais e à cozinha mineira: peneiras, pés de café, bules, xícaras, torradores, moinhos. O aroma de café perfuma todo o ambiente: na torra do café ao vivo, no café de bule, nas versões expresso e nas especiais preparadas por baristas convidados.

Além dos sabores do café, o festival tem outros pratos. De leitoa a pastel de milho, de rosca rainha a pamonha, de doce de leite a brigadeiros gourmet, uma variedade de pratos, de sabores, de combinações, de invenções.

Tem ainda cachaça, bebidas artesanais e importadas. Também tem lembrancinhas do Festival: de canecas a aventais, produzidos ao vivo numa Kombi ateliê.

Atrações culturais do festival

As apresentações musicais começam nesta sexta-feira e vai até o encerramento da festa, no domingo. São cerca de 15 atrações com muita música regional, pop rock, blues, jazz, DJs e orquestras de música caipira e erudita.

Raimundo Andrade se apresenta nesta sexta. Foto: reprodução

O músico Raimundo Andrade, premiado em diversos festivais de música, se apresenta nesta sexta-feira (13). Ainda na sexta, se apresenta  TrioLos4, um trio roqueiro de Pouso Alegre. E para encerrar a noite, o jovem DJ VK faz sua estreia no universo da música eletrônica.

No sábado (14) a Merisma Band, de Pouso Alegre, mistura canções do pop rock e blues. Na sequência, se apresenta Kaiser, cover de Zé Ramalho, de São Carlos, SP, que retorna ao Festival com show reestruturado. E para encerrar a noite uma apresentação do DJ LIV, de São Paulo. Também se apresentam no sábado à tarde, três bandas locais com alguns integrantes de Pouso Alegre: A Deriva, Balaiu Di Gatu e Adamantium.

As atividades do domingo (15) têm início às 8h com a largada do 1º Passeio Ciclístico de Silvianópolis, organizado pelo Conselho Municipal de Turismo.

E o domingo continua em ritmo musical. O Coral Sacro do Conservatório Estadual de Música de Pouso Alegre, sob a regência de Aurélio França, se apresenta às 11h, na Igreja Matriz da cidade.

No período da tarde, o Balé Luiz Henrique, de Pouso Alegre, premiado internacionalmente e nacionalmente, se apresenta às 16h.

Inspirada nas tradicionais Street Bands da cidade norte americana New Orleans, com a proposta irreverente de mesclar música antiga e contemporânea, a Nova Velha Banda, que agrega músicos da região, se apresenta às 18h.

E no encerramento do Festival (20h), como é tradição enaltecer a viola caipira, se apresenta a Orquestra de Violeiros de São Lourenço. Após, retorna novamente ao palco a Banda Balaiu Di Gatu.

Na programação, há também atrativos para as crianças: o performático Palhaço Catraca, de Campinas, se apresenta com perna de pau no sábado (14) e a atriz, Paloma do Vale, narra histórias de clássicos da literatura infantojuvenil no domingo (15).

Entre as atrações de gente da terra, apresentações das Congadas Nossa Senhora do Rosário e São Benedito, do Grupo de Folia de Reis Estrela de Belém e do Cras – Centro de Referência de Assistência Social.

O Festival também acolhe a exposição de artes plásticas assinada pela pintora Sandra Marchandeau, que se inspirou no patrimônio material e imaterial de Silvianópolis para criar suas obras. Praticante da pintura “plein air”, a artista montou seu estúdio ao ar livre nas ruas da cidade durante alguns meses.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA

13 DE SETEMBRO – SEXTA-FEIRA

18h – Abertura das tendas

Locução: Agostinho Ribeiro [todos os dias do evento]

19h – Aula show: “Gastronomia Nutritiva” – curso de Nutrição – Una Pouso Alegre [cozinha]

19h45 – Apresentação com didjeridoo – César Cayon – Rio de Janeiro [palco]

20h – Abertura oficial do Evento [palco]:

Hino a Silvianópolis: professora Lucimara Goulart – “Coral do Ciemsa Vozes de Ouro” Apresentação da música “Leite, Café & Cia”

Letra: Maria José Franco Fernandes

Arranjo: professora Lucimara Goulart e Reinaldo Machado Correa

  • Homenagem ao Dezinho – o cozinheiro-mor da Festa do Rosário e de outros festejos

Texto: Ivanna Peixoto – Homenagem: Sílvia Peixoto

  • Apresentação musical: Renata Leal e Fábio Monteiro – educadores sociais do Cras Silvianópolis

  • Apresentação de métodos de preparo do café – baristas da Coopfam – Cooperativa dos Agricultores Familiares de Poço Fundo e Região [coreto]

  • Cortejo das congadas de Silvianópolis – Nossa Senhora do Rosário e São Benedito – com a participação da guarda-coroa e dos festeiros da Festa do Rosário 2020 [espaço do evento]

21h30 – Show Raimundo Andrade – sul de Minas [palco]

23h30 – Show com TrioLos4 – Pouso Alegre [palco]

01h30 – Apresentação DJ VK – Silvianópolis [palco]

3h – Término

14 DE SETEMBRO – SÁBADO

11h – Abertura das tendas

11h – Abertura da Exposição Arteiras de Santana

12h/18h – Torrefação de café – Lutero Mamedes – Silvianópolis [cozinha]

Das 13 às 19h – Funcionamento do Centro de Memórias e Tradições da Festa de Nossa Senhora do Rosário – aberto para visitação gratuita

13h – Workshop: “Propriedades e benefícios nutricionais do café” – receita funcional – Curso de Nutrição – Una Pouso Alegre [cozinha do Festival]

13h30 – “Boa tarde, Café” – Coopfam – Poço Fundo e Região [palco]

14h – Aula-show: “Arroz doce de café” – curso de Gastronomia da Univás – Pouso Alegre – coordenação: chef Avner Pires [cozinha]

15h – Grandpa Joel᾽s Coffee – Família Dias, com a participação de Nikolas Dias, o mais jovem barista do Brasil – Santa Rita do Sapucaí [cozinha]

15h – Apresentação e degustação dos queijos – Laticínio Delícias de Silvianópolis – José Sebastião Garcia [cozinha]

15h – Oficina de cosmético natural com café – Thaís Paschoal Ferreira – Pouso Alegre [cozinha]

15h30 – Apresentações Cras Silvianópolis:

  • Recital de poesias [crianças] – coordenação Aliciane Balbino – Cras Silvianópolis

  • Projeto “Bate Lata” e apresentação musical [adultos e Idade Feliz] – educador social – Fábio Monteiro

16h – Apresentação do Café Estância Jacarandá [palco]

17h – Palhaço Catraca [Campinas]

A partir das 16h – apresentações musicais [palco]:

  • Apresentação de violino e piano – Aline Beraldo [Borda da Mata]

  • Grupo A Deriva – com Pedro Henrique e Maria Luiza [Silvianópolis e Pouso Alegre]

  • Banda Adamantium [Silvianópolis e Pouso Alegre]

  • Banda Balaiu Di Gatu [Silvianópolis e Pouso Alegre]

19h – Serenata em homenagem ao professor José Dilmo de Abreu – Grupo de Seresta Santana – Silvianópolis [espaço do evento]

20h – Apresentação com didjeridoo – César Cayon – Rio de Janeiro [palco]

20h15 – Merisma – rock & blues – Pouso Alegre [palco]

23h – Zé Ramalho Cover – Kaiser – Rio Claro [palco]

01h – DJ LIV – Silvianópolis [palco]

3h – Término

15 de setembro – domingo

8h – Largada do 1º Passeio Ciclístico de Silvianópolis Organização: Conselho Municipal de Turismo [Praça Homero Bento Vieira]

9h30 – Abertura das tendas

9h30 – Abertura da Exposição Arteiras de Santana

11h – Coro Sacro do Cempa – Pouso Alegre – regência Aurélio França Vox [Igreja Matriz]

11h30 – Apresentações Cras Silvianópolis

  • Muay Thai – educador social Guruh

  • Balé, dança, canto [crianças e Idade Feliz] e zumba [adultos] – educadora social Renata Leal

11h30 – Aula-show: “Café com nutrição” – Curso de Nutrição – Una Pouso Alegre

12h/17h – Torrefação de – Lutero Mamedes – Silvianópolis [cozinha]

12h – “Workchope Cerveja com Lactose” – para harmonização do prato do chef – Pós-Doc Bebidas Artesanais – Pouso Alegre [cozinha do Festival]

Das 13 às 19h – Funcionamento do Centro de Memórias e Tradições da Festa de Nossa Senhora do Rosário – aberto para visitação gratuita

13h30 – Café Feminino – Coopfam [cozinha]

12h – Aula-show: “pernil ao molho de café com melado e quirerinha cremosa” – chef Vitor Pompeu – Campos do Jordão [cozinha]

14h – “Festival Sabores de Santana – café” – coordenação: Aline Oliveira Guides Kielblock,  coordenadora regional do bem-estar social Emater/Pouso Alegre [cozinha]

15h – Contação de histórias – Paloma do Vale – Pouso Alegre [Praça do Coreto]

15h – Folia de Reis Estrela de Belém – Silvianópolis [cortejo pelo local do evento]

16h – Ballet Luiz Henrique – Pouso Alegre [palco]

17h – Homenagem à Marina Castro [palco]

18h – A Nova Velha Banda – sul de Minas [espaço do evento]

20h – Orquestra de Violeiros de São Lourenço [palco]

21h30 – Banda Balaiu Di Gatu [palco]

Fim do festival Sabores e Sabres de Santana

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.