0

Bombeiros resgatam gato-mourisco que caiu em silo da região

Por Terra do Mandu
10/09/2019

Animal foi resgatado de um silo de cerca de 6 metros de profundidade, na zona rural de Delfim Moreira.

Animal caiu em silo e deu trabalho para bombeiros. Foto: Corpo de Bombeiros

Um jaguarandi, felino conhecido como gato-mourisco, foi resgatado nesta terça-feira (10), pelos bombeiros de Itajubá, de dentro de um silo de, aproximadamente, seis metros de profundidade. O animal havia caído no local que estava desativado e fica na zona rural de Delfim Moreira.

Os militares utilizaram uma escada e outros equipamentos para conseguir capturar o animal em segurança. Em seguida, o gato-mourisco foi solto numa mata, seu habitat natural.

O Jaguarundi da espécie Herpailurus yagouaroundi – está na lista de animais em extinção. Também é conhecido como eirá, gato-preto, raposa-de-gato, onça-de-bode e maracajá-preto. É um mamífero carnívoro da família dos felídeos, nativo da América do Sul, passando por todo o Brasil até ao norte da Argentina.

O gato na fase adulta mede cerca de 70 centímetros de comprimento, fora a cauda, que pode chegar a 40 centímetros. Também tem as patas curtas e a cabeça pequena, desproporcionais ao resto do corpo. Pesquisadores afirmam que ele não é perigoso.

Gato-mourisco é considerado animal ameaçado de extinção. Foto: reprodução

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.