0

Surgem novos talentos no karatê em Pouso Alegre

Magson Gomes
25/02/2019

Inspiradas em Bárbara Hellen Rodrigues, atletas de Pouso Alegre conquistaram nove medalhas de ouro em campeonato mineiro este mês, em Uberlândia.

Respeito, disciplina e treino, muito treino. Assim que nascem campeões no karatê. E Pouso Alegre tem sido um celeiro de atletas que se destacam nesse esporte, agora olímpico. São pelo menos três academias na cidade onde surgem meninos e meninas campeãs.

A reportagem do Terra do Mandu acompanhou um treino na academia onde surgiu Bárbara Hellen Rodrigues, de 18 anos, que hoje faz parte da Seleção Brasileira de Karatê e está competindo na Áustria. Inspiradas em Bárbara, na última edição do campeonato mineiro de karatê, realizado neste mês de fevereiro em Uberlândia, dez atletas dessa mesma academia de Pouso Alegre conquistaram nove medalhas de ouro e outras de prata e bronze. 

As 10 meninas se classificaram para a etapa do Circuito Nacional, que será disputado em Brasília, no mês que vem.

Um dos destaques nesse grupo de campeãs é Mariana Araújo, de 11 anos. Ela é uma promessa e tem o sonho de ir longe no esporte, que hoje é uma modalidade olímpica. “Eu quero ser campeã mundial. Quero ser campeã de tudo”, projeta a atleta mirim que já é pentacampeã mineira, campeã brasileira escolar, além de outros títulos regionais.

Para atingir seus sonhos, Mariana treina três horas por dia. “Eu sei que é bem difícil chegar lá em cima, no topo. Mas, se eu treinar todos os dias, se eu me esforçar, eu sei que eu vou chegar lá. É só eu ter determinação. Eu sei que eu sou boa”, foca Mariana.

Essa confiança é alimentada pelas inspirações. Além dos principais atletas brasileiros no esporte, a karateca tem em quem se espelhar aqui ao lado dela. Mariana treina na mesma academia que Bárbara Hellen Rodrigues, hoje membro da seleção brasileira de karatê e que está viajando o mundo competindo. Outra inspiração vem de casa mesmo. O pai de Mariana, Luciano Araújo, é faixa preta no esporte.

“A Mariana tem um potencial incrível. É uma menina dedicada. Eu sempre converso com ela de em primeiro lugar ter humildade, que prevalece, e buscar conquistar títulos”, fala Luciano que tem ainda a filha mais velha Júlia Araújo, de 15 anos, que também pratica karatê e tem títulos mineiros e regionais.

A pequena Maria Alice e o projeto social do karatê

Maria Alice se inspira em Bárbara para ser uma campeã. Foto: Magson Gomes/Terra do Mandu

Seguindo os passos de Bárbara e Mariana vem aí a pequena Maria Alice. A garotinha de oito anos começou a praticar karatê com cinco anos, depois que o técnico João Batista Rodrigues passou na escola onde ela estuda para falar do projeto social para ensinar o esporte para crianças de escolas municipais.

Maria Alice se diz encantada com o karatê. “Eu fiquei muito animada, depois da primeira aula e acabei gostando”.

Atualmente, o técnico João Batista Rodrigues tem os alunos que frequentam a academia, e mais cerca de 200 crianças de escolas municipais de Pouso Alegre. “Se não formar um campeão, eu já vou ficar muito feliz se contribuir par formar grandes cidadãos no futuro”.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.